Cheque especial é o ópio do povo.  
 • Destaques
 • Plantão
 • Top10
 • Imagens
 • Blog

  Guru:
 • Mahatma Melei


  Esportes:
 • Enfiando a Bola



 • Newsletter
 • Anuncie
 • Fale Conosco

 • Timelei em RSS





Com a entrada do exército para perseguir os traficantes no Rio de Janeiro, a polícia carioca vai finalmente tirar aquelas merecidas férias. Pode não parecer, mas ficar tomando tiro de traficante e proteger a população mediante o módico pagamento em cervejinha são atividades cansativas.

Chegou a hora de colocar a farda no armário, pendurar o trezoitão na sunga cavada e balançar feliz o barrigão flácido no mundo de ócio da Cidade Maravilhosa.

O único problema é descobrir como um inocente policial pode se divertir atualmente. A cidade anda tão violenta...

Botando azeitona na farofa

Policial de verdade, mesmo de férias, não esquece as atribuições do cargo. No lazer nas praias, por exemplo, os meganhas espetam suas barracas sempre nas proximidades dos vendedores de cerveja (outro hábito da profissão) e de qualquer grupo de meninos de rua que esteja dando sopa.

O problema é que encher a lata e praticar a nobre arte do pescotapa em pivete não basta. No máximo dá para ocupar parte da manhã e lembrar as coisas boas do cotidiano de combate ao crime.

Portanto, não estranhe se alguns policiais entediados resolverem invadir sua praia com uma blitz. Lembre de carregar sempre os seus documentos em dia e alguns trocados para evitar o confisco de objetos pessoais como relógios, galetos de padaria e sua namorada baranga.

Churrasco e pagodão

Praia todo dia também pode encher o saco. Na verdade, apenas um dia torrando no sol feito bacon enche de areia a área escrotal da anatomia masculina. Enfim, o que estamos querendo dizer é que semanas consecutivas de sunga, suor e cerveja também precisam de um refresco.

Nesses dias em que ninguém agüenta mais passar filtro solar nas dobras da barriga, a melhor idéia é fazer uma churrascada.

Como também não pode faltar um pagode, chama-se a bandidagem para fazer aquela confraternização. Pandeiro, cavaquinho e picanha no fogo aceso com os restos daquele cagoete filha da puta. Tem como um domingo ficar melhor?

Um, dois, feijão com arroz!

As férias também servem para manter a forma. Não só para acabar com o mito de que todo policial é barrigudo e tem bigode, mas também porque a viatura quebra e nem sempre existe um cidadão com disposição suficiente para ajudar a empurrar o troço enquanto você grita "Força, vagabundo! Não almoçou hoje não?".

Seguindo o exemplo das academias que estão sempre inventando novidades, os meganhas trabalham para modernizar os velhos exercícios. Nesta estação, as sensações das academias policiais são as concorridas aulas de Power Porrinha, Truco Pump e BioSoneca.

Pequenas empresas... grandes narigadas

Quem disse que as férias não podem render um bom dinheiro? Com o exército tocando o terror e a bandidagem de folga em Cancún, o cenário para o sucesso de um novo empreendedor está formado.

Esqueça "Quem mexeu no meu queijo?", queime os livros do Lair Ribeiro e vá correndo abrir sua própria boca de fumo. O mundo dos negócios é feito de oportunidades. Essa é a sua chance de ganhar uma grana preta vendendo o branco enquanto o pessoal de verde cuida da concorrência.


Na falta de coisa melhor para fazer

Depois de algum tempo de absoluta inutilidade a ansiedade começa a bater. É natural que você sinta saudades do trabalho durante seu período de descanso. Seu nobre ofício é parte da sua vida, elemento integrante da sua natureza e fonte de seu reconhecimento em sociedade.

Portanto não fique se culpando ao notar que está num buraco quente, correndo atrás de bandido, quando o sol está lindo lá fora. Capture o infeliz, aplique uns tabefes e volte para a praia com a certeza do dever cumprido mesmo nas férias.

Só não se acostume com essa coisa de trabalhar sério porque é um péssimo hábito e pode atrapalhar seu crescimento na corporação.

Arquivo da seção: Destaques

 Envie este artigo para um amigo:
 Email do amigo:
 

 Seu email:
 

 Mensagem (opcional):
 
 


Chegaram as camisetas do Timelei!



O futuro é agora



Chique é ser rico!


Dangerous
Triste Realidade
Erguei as mãos! O maior truque do Diabo não é fazer todos acreditarem que ele não existe. Também não é a parceria com a Igreja Universal, onde ele ganha uma comissão para aparecer duas vezes por semana (só quando tem gravação para o...
Sessão devedê II
Vende-se raquetes usadas.
Com muita coisa na cabeça
moblog dos cool hunters da revolucaum dos ddos