Timelei - Porque acreditamos em sexo à primeira vista!
Cheque especial é o ópio do povo.  
 • Destaques
 • Plantão
 • Top10
 • Imagens
 • Blog

  Guru:
 • Mahatma Melei


  Esportes:
 • Enfiando a Bola



 • Newsletter
 • Anuncie
 • Fale Conosco

 • Timelei em RSS




 • Home
 • Destaques
 • Plantão
 • Top 10
 • Imagens
 • Mahatma Melei
 • Esportes
 • Blog

 • Newsletter

 • Anuncie

 • Fale Conosco


O futuro é agora


Chique é ser rico!



 •  julho 2005
 •  junho 2005
 •  maio 2005
 •  abril 2005
 •  março 2005
 •  fevereiro 2005
 •  janeiro 2005
 •  dezembro 2004
 •  novembro 2004
 •  outubro 2004
 •  setembro 2004
 •  agosto 2004
 •  julho 2004
 •  junho 2004
 •  maio 2004
 •  abril 2004



 



Ele é astrólogo, iridologista, terapeuta, hippie, pompoarista e filósofo. Exercendo esta última, criou o estilo de vida calcado no sexo à primeira vista e na crença da existência da perfeição na forma de uma sueca peituda. Mande sua dúvida para este visionário: [email protected]


 


21.06.05

Pollyanna quer casar


Eu estou amarradão em uma garota e ela também gosta de mim, mas não se sente preparada para ter algo sério comigo agora. E nesses últimos dias ela tem agido estranho comigo. Fico em dúvida se eu sou o problema. O que eu devo fazer? – Anônimo

Querido otimista crônico,

Acredite que não obtenho qualquer prazer ou alegria em destruir seus sonhos como um tsunami de realidade sobre castelos de areia. Geralmente, deixo esse tipo de tarefa para os políticos de Brasília, cuja experiência de pulverizar mitos como ética, honra e esperança em muito supera a minha. No entanto, na falta dos especialistas, alguém precisa fazer o trabalho sujo.

Pois bem, então deixe de ser tão nádega-flácida e comece a encarar a realidade dos fatos. Abandone a barra da saia de sua avó que o criou com mais zelo do que devia e tire os óculos de eufemismo para enxergar a verdade do mundo à sua volta. Admita, com toda a força dos calos da sua mão direita, que “ela não se sente preparada para ter algo sério” significa “a fêmea astuta não liberou a mixaria mesmo depois que eu, seguindo a sugestão musical de Djavan, aprendi japonês em braile”.

Agora que você começou a abrir os olhos, continue até o fim. Vá em frente. Não tente negar que “Eu estou amarradão em uma garota e ela também gosta de mim” significa “ela sai comigo sempre que eu aceito pagar tudo e dar carona para aquele amigo da academia”.

A hora da verdade final está chegando. Reflita então porque “ela tem agido estranho comigo” significa “ela, cuja fama de vagabunda extrapola os limites do bairro, começou a notar que pode estar acabando com sua vida social ao ser vista em público comigo”. E, finalmente, acabe de uma vez por todas com a dúvida sobre a localização do seu problema enviando uma mensagem aos políticos de Brasília. Afinal, eles têm muito mais experiência do que eu na arte de ser patético como você.


Mande sua dúvida: [email protected]




:: Permalink ::



13.06.05

Curriculum Vitae


Como faço para ser um zé graça e também escrever algumas besteiras relacionadas aos acontecimentos globais? Tenho algumas idéias boas, sou estudante de Comunicação Social do 2º período da PUC, se vocês estiverem precisando dá um toque aí, ou melhor, toque não, só me avisa. - Edson

Querido bufão amador,

Corrija-me se por um acaso do destino eu estiver errado, mas acredito que você já é um “Zé graça”. Talvez não seja da forma que você tanto deseja, mas é inegável que muitos enxergam humor quando seus amigos passam a mão na sua bunda e brincam de “Eu bato - todo mundo bate”.

Saber escrever e servir de saco de pancadas, no entanto, não são qualidades suficientes para entrar em nossa seleta equipe. Todos os escritores do Timelei devem possuir uma diversidade de talentos multimídias. Aliás, não só os escritores, mas todo quadro de funcionários que faz o impossível acontecer neste universo laranja. O zelador do prédio onde se localiza nossa redação, por exemplo, sabe representar, cantar e dançar como poucos. Além disso, é um mímico de grande habilidade e um artista plástico de raro quilate.

De fato, saber escrever é o talento de menor peso na avaliação do nosso sensacional departamento pessoal, formado por uma mulher barbada anã malabarista e um leão adestrador de elefantes.

Pode parecer um critério de seleção sem sentido, admito, mas eu não abro mão de fazer o mesmo em todas os meus empreendimentos. Esta medida faz parte de um sonho pessoal que só estará completo no dia que, por absoluta falta de artistas, as duas formas de arte mais irritantes da história da humanidade desaparecerem da face da Terra: o circo e os musicais estilo “Broadway”.

Além disso, é realmente útil empregar palhaços como frentistas. Impressiona o número de automóveis de luxo que eles conseguem colocar na vaga onde um funcionário normal só estacionaria um humilde Fusquinha.


Mande sua dúvida: [email protected]




:: Permalink ::